Escolha uma Página

Seu Sorriso não tem Preço!

Atendimento de alta qualidade sem perder a Humanidade e Carinho!

Clínica Allere l Dentista Asa Sul

Agende uma Consulta

Nossa missão é espalhar sorrisos pelo mundo e ajudar as pessoas a cuidar de sua saúde aumentando a auto estima. Venha participar desta comunidade que busca o Estilo de Vida Saudável.

(61) 3346-0524 l C.M. Lúcio Costa l Asa Sul 611

Atendimento seguro com Especialista para uma Extração Dentária tranquila.

São alguns os casos quando o dente já não pode ser tratado de forma conservadora e a extração dentária ou exodontia é indicada.

Morre de medo de cirurgia?!

Não se preocupe! Você tem a opção de dormir enquanto nossos especialistas trabalham. Nossa Clínica trabalha com sedação durante o tratamento para que você só acorde quando tudo acabar !

Extração dentária por Doença cárie avançada

Uma das razões mais comuns para a extração dentária é quando ele está tão cariado que não pode mais ser restaurado após a remoção de toda a cárie. Nesses casos a cárie normalmente já atingiu a raiz do dente em níveis abaixo de sua inserção no osso o que impede sua restauração e manutenção na boca.

Extração dentária por Necrose pulpar

A segunda razão mais comum para a extração dentária, é a presença de necrose pulpar irreversível e não tratável por endodontia (tratamento de canal). A necrose pulpar é a morte dos tecidos que ficam dentro do dente normalmente cousada por uma infecção. Os casos não tratáveis pelo endodontista são aqueles quando o dente possui um canal tortuoso, calcificado e não tratável pelas técnicas convencionais. Pode acontecer também do paciente se negar a ser submetido ao tratamento endodôntico e optar pela exodontia do dente que poderia ser tratado.

Extração dentária por Insucesso no tratamento de canal

Nessas situações o tratamento endodôntico foi realizado, mas falhou em aliviar a dor do paciente ou em tratar a lesão nos tecidos que envolvem a raiz do dente.  Normalmente esses dentes estão com a raiz trincada ou fraturada o que indica a sua remoção.

Extração dentária por Fratura radicular

Dentes que já foram tratados endodônticamente ficam fragilizados com a remoção de sua parte viva e se tornam mais friáveis, quebradiços. A fratura da raiz é comum principalmente em casos em que há tratamento endodôntico e pino intra-radicular metálico para sustentação de uma coroa. Esses pinos metálicos exercem forças excêntricas na raiz dependendo do movimento durante a mastigação causando a fratura da raiz e indicando a exodontia do dente.

Extração dentária por Doença periodontal grave

Doença periodontal extensa e grave é outra razão comum para a remoção de dentes. A periodontite é uma doença onde ocorre perda óssea progressiva se não tratada periodicamente. No caso da doença permanecer por um período longo, ocorre excessiva perda óssea e irreversível mobilidade dentária indicando a exodontia desses dentes.

Extração dentária por Indicação ortodôntica

Pacientes sob tratamento ortodôntico para corrigir as arcadas com falta de espaço e apinhamento necessitam frequentemente de extrações dentárias com o intuito de ganhar espaço para o alinhamento. Os dentes mais comumente extraídos são os primeiros pré-molares, maxilares e mandibulares; entretanto, os incisivos mandibulares e segundos pré-molares da maxila também podem ser extraídos.

Nossos Serviços

Cirurgia Bucomaxilofacial

 Implantes Dentários

Tratamento de Canal

Odontologia Estética

Odontopediatria

Ortodontia

Fale conosco: (61) 3346-0524

611 sul Centro Médico Lúcio Costa Bloco 1 sala T10

Horário de Funcionamento

Segunda a Sexta 08:00 - 20:00hrs

Agendamento no mesmo dia

Trabalhamos com encaixes!

× Como posso te ajudar?